Feijão com Arroz

Serviços de design na medida

Menu

Como tocar meu próprio negócio nas horas livres?

Empreendedorismo Leia em 6 minutos

O que você faz quando não está trabalhando? Você sabe onde foi parar aquele projeto que poderia ter se transformado em um negócio de sucesso e que ainda te faz sonhar? Sabemos que nem todo mundo pode largar o emprego que tem e passar a fazer “o que ama”. Afinal, trocar o certo pelo duvidoso ainda é o medo de muitas pessoas — pelo menos, daquelas que gostariam de se tornar donas do seu próprio negócio.

No entanto, temos boas notícias! É possível começar um negócio do zero sem comprometer o emprego atual. A realidade de ter uma dupla jornada vem fazendo parte da vida de muitos brasileiros nos últimos anos.

Pois bem, manter um emprego e tocar um projeto em paralelo passou a fazer parte da vida dos “novos aspirantes ao empreendedorismo” — uma maneira de se esquivar de incertezas antes de largar tudo e se aventurar no primeiro negócio.

Mas como tocar meu próprio negócio nas horas livres? Existem ferramentas e técnicas que podem auxiliar no dia a dia? Pensando nestas questões, elaboramos para você algumas dicas que podem ajudar a realizar o sonho de se dedicar ao que ama, sem precisar largar o emprego. Acompanhe!

Transforme um sonho, uma ideia ou um hobby em um projeto

O conceito de empreendedor se tornou mais amplo com a utilização da internet. Por exemplo, é possível lançar um site com objetivo comercial e gerenciá-lo a qualquer momento — você pode trabalhar apenas algumas horas por dia, apenas à noite ou nos fins de semana.

Além disso, um negócio digital exige um menor investimento de quem ainda está ligado a uma empresa tradicional, mas isso não significa que você não precise se dedicar. Muito pelo contrário: você vai precisar de gestão de tempo e de produtividade ou estará no caminho errado!

Se você já possui um trabalho e vai utilizar o tempo livre para começar um negócio, é preciso que se identifique com algo que goste e que seja prazeroso para realizá-lo — afinal, você terá uma jornada dupla, que pode ser muito estressante se não for utilizada com algo que realmente queira investir seu tempo.

Empreender não é tão simples como se pensa. Não é meramente sorte e, muito menos, carisma. Ingressar no mundo dos negócios exige dedicação, persistência e paixão. Por isso, antes de qualquer decisão, retire os sonhos, as ideias e os hobbys da gaveta e comece a transformá-los em um negócio (mire na realidade e saia da fantasia).

Realize pesquisas de mercado, de público consumidor, de concorrência e faça um levantamento das necessidades e do que você vai precisar para colocá-lo em prática. Comece com uma boa estratégia de mercado antes de investir tempo e recurso. Tenha foco e saiba qual vai ser o segmento do seu negócio.

Planeje seu tempo

O segredo do sucesso é o planejamento. Otimizar o tempo disponível, fazendo com que ele seja produtivo, é o sucesso de qualquer negócio — mesmo que você dedique apenas algumas horas diárias a ele.

Por isso, administre seu tempo e planeje bem cada tarefa executada durante as horas vagas. A partir do momento que as necessidades de melhoria da performance são percebidas, é possível encontrar maneiras de trabalhar de forma mais eficiente e produtiva. Feito isso, acredite, tudo que você vai precisar é atitude.

Você pode começar realizando uma lista de tarefas diárias e semanais, que inclua todos os compromissos que você tem que fazer, como assuntos pessoais, profissionais, acadêmicos, lazer, entre outros.

Outro ponto que deve ser levado em conta é o local que você utilizará para começar seu negócio. Ele deve ser organizado ao máximo, sem aquela papelada distribuída e que mais atrapalha do que ajuda.

Ambientes bagunçados despendem, em média, uma hora e meia por dia para serem reorganizados. Isso pode chegar a 7 horas e meia por semana. E, para quem está começando e ainda tem que dividir uma rotina com dois empregos, isso pode representar muitas perdas produtivas.

Invista um tempinho na organização. Além de fazer a diferença na melhoria da sua produtividade, o tempo gasto com funções desnecessárias é mais bem gerenciado.

Utilize ferramentas e aplicativos para otimizar o tempo e as atividades

Hábitos básicos se tornam de grande valia no dia a dia de quem está investindo no próprio negócio, mesmo que tenha que dividir o tempo com um outro trabalho. Diversas ferramentas e aplicativos passaram a fazer parte da vida de muitos empreendedores.

E não é para menos: por meio das novas tecnologias, é possível acessar tarefas, contatos, documentos, pagar contas sem precisar estar no escritório. Isso é uma verdadeira mão na roda para qualquer empreendedor.

Smartphones, celulares, tablets e tantos outros aparelhos possibilitam a integração das mais variadas necessidades, seja para cuidar das finanças ou mesmo uma motivação diária para seguir em frente.

Aqui, podemos citar o aplicativo Agendor, que organiza todas as vendas para um empreendedor. Em poucos toques na tela, é possível centralizar o cadastro de clientes, controlar entradas e saídas de estoque, analisar o desempenho da equipe comercial e tantas outras funções.

Outro aplicativo é o Bills Reminder, que ajuda empreendedores que se perdem nas contas do mês. Ele manda lembretes no seu celular a hora que a conta se aproxima do vencimento, além de organizar aquelas que já foram quitadas, que estão atrasadas ou que não foram quitadas ainda.

Mais um app utilizado para o controle das finanças é o Expensify, ideal para quem deseja ter o controle da conta bancária na tela de um aparelho móvel. Com ele, é possível criar relatórios financeiros e se beneficiar de palestras online que o próprio aplicativo organiza para empreendedores que querem utilizar as ferramentas oferecidas para seus negócios.

Estas são algumas sugestões, mas existe um aplicativo ideal para cada necessidade. Então, a rotina do seu negócio pode se tornar mais fácil ao aderir às tecnologias aplicadas ao mundo dos negócios.

Não leve trabalho para casa

Este é um erro fatal que pode comprometer não apenas o projeto de ter o próprio negócio como também o serviço fixo, de empregado. Levar trabalho para casa ou levar trabalho de casa para o outro serviço é uma prática prejudicial para qualquer empreendedor que almeja alcançar bons frutos e ser seu próprio chefe.

Dedique-se ao máximo a cada atividade que esteja realizando. Cada uma deve ser feita dentro do seu tempo, senão você estará se sobrecarregando à toa. Além do que levar trabalho para casa significa que você não poderá se dedicar por completo ao projeto que planejou e, se for assim, é melhor não continuar.

Planeje, controle, administre e, acima de tudo, gerencie seu tempo livre. Caso seja necessário, estabeleça um calendário de atividades diárias até você conseguir entrar na rotina da dupla jornada.

Ter o próprio negócio nunca foi tão fácil, mas alguns cuidados são essenciais, principalmente, ao dividir seu tempo entre duas atividades. E você? Como faz para tocar seu próprio negócio? Compartilhe suas experiências no espaço para comentários!

Quer compartilhar?
Empreendedor ideias conteudo email

Que tal o melhor conteúdo sobre empreendedorismo para você ter sucesso nos negócios?

Faça como centenas de nossos leitores: