Feijão com Arroz

Serviços de design na medida

Menu

5 estratégias poderosas para fazer Marketing no Linkedin

Comunicação Leia em 5 minutos

Se, por algum motivo, você ainda não considerou fazer marketing no LinkedIn, aqui vai um dado estarrecedor: em 2017, essa rede social atingiu meio bilhão de usuários no mundo!

Pelo seu caráter profissional, o LinkedIn é único no universo da internet. O seu uso não se restringe a uma determinada camada social, e os interesses dos seus usuários não são restritos a certos assuntos e atividades.

No Brasil — terceira maior concentração de usuários dessa rede no mundo — já são mais de 25 milhões de perfis. Ou seja, há oportunidades de negócio de todos os tipos.

Não há motivos para você, pequeno empreendedor, ficar fora dessa rede, concorda? E muito mais do que manter apenas um perfil ativo por lá, neste artigo vamos mostrar as melhores estratégias para começar imediatamente a fazer marketing no LinkedIn.

Confira:

1. Aproveite todos os recursos do seu perfil

O próprio LinkedIn classifica o seu perfil conforme a quantidade e a qualidade das informações que você coloca nele.

A melhor dessas classificações — e que é a que você deve perseguir — é a de “perfil campeão”. É bem fácil chegar nisso: basta preencher o maior número de informações possível.

Dê atenção especial também para a URL do seu perfil. Estamos falando de um link que leva para a sua página dentro do LinkedIn. Quando você começa nessa rede social, esse link vem cheio de números (exemplo: https://www.linkedin.com/company-beta/74847454541/). Você deve trocá-lo para que termine com o seu nome (exemplo: https://www.linkedin.com/sua-empresa).

Um perfil completo é um dos requisitos que o próprio LinkedIn utiliza para fazer com que as pessoas o encontrem mais facilmente. Além disso, quanto mais dados sobre você estiverem à disposição dos seus clientes potenciais, mais credibilidade você vai passar, concorda?

2. Crie uma rede de conexões antes de fazer marketing no LinkedIn

Pela sua natureza profissional, o LinkedIn deve ser usado com cautela. Por exemplo, aquela fórmula tão comum em outras redes sociais de criar um perfil e adicionar todo mundo sem o menor critério não é válida aqui.

Escolha a dedo as suas conexões. Aceite e envie convites para pessoas que farão a diferença para você.

Evite pensar suas conexões só pelo ponto de vista de quantidade. Até porque ela vai crescer naturalmente quando você adicionar colegas de faculdade, profissionais do mesmo ramo que o seu, gente influente que conhecer em palestras e workshops…

Além disso, existe uma lógica no LinkedIn em que as pessoas são um caminho para chegar até outras pessoas. Sempre que o algoritmo dessa rede social percebe o seu interesse pelo conteúdo de algum profissional, ele indica uma das suas conexões que pode apresentar você a ele.

3. Atraia conexões com publicações relevantes

Esta é outra forma interessante de ficar popular no LinkedIn: a qualidade do conteúdo que você publica. Claro, como toda rede social que se preze, o LinkedIn é um verdadeiro mar de conteúdo. Logo, compartilhar notícias e artigos não é o suficiente.

A nossa dica é que você agregue valor para as suas publicações.

Por exemplo, escreva um breve texto comentando o assunto, antes de compartilhar um artigo ou vídeo. E, com esse comentário, estimule suas conexões a opinarem, seja a favor ou contra o seu posicionamento.

Mais uma dica: no alto da página principal, bem abaixo da barra de publicação, está o botão “publicar um artigo”. Se você tem opiniões mais fundamentadas sobre um assunto da sua área e gosta de escrever, considere utilizar essa ferramenta.

Mas fique atento: a natureza dos artigos do LinkedIn exige profundidade. Amadureça bem o seu texto, revise-o e peça opinião de alguns colegas antes de publicá-lo. Depois de colocá-lo no ar, compensa fazer um pequeno investimento e patrociná-lo para que alcance um número bem maior de pessoas.

4. Participe de grupos

Se o que pauta a sua credibilidade no LinkedIn são os conteúdos que você publica, os grupos são onde esses conteúdos mais serão discutidos.

Além de serem uma ótima fonte de aprendizado profissional, é nos grupos que se encontram as melhores oportunidades de marketing no LinkedIn. Se você souber escolher aqueles onde os seus possíveis clientes estão, tanto melhor!

Faça parte desses grupos, poste os seus melhores conteúdos lá e não se esqueça de duas das maiores regras do marketing digital: fale a língua deles e ajude-os a resolver seus problemas.

Assim como acontece no marketing de conteúdo, isso faz com que eles passem a vê-lo como autoridade no assunto. E quando forem comprar um produto ou contratar um serviço, adivinha quem eles vão procurar? Você, claro!

5. Escolha o melhor momento para contatar um prospect

E já que falamos em prospect ou cliente potencial, cabe aqui uma reflexão sobre quando entrar em contato diretamente com ele para fazer uma venda.

Existem diversas opções para você acompanhar potenciais clientes no LinkedIn. Você pode segui-los, marcar publicações deles para ter acesso futuro e até visualizar os horários em que eles mais ficam disponíveis na plataforma.

Depois de acompanhar um prospect por certo tempo, dá para saber exatamente qual é o melhor momento para abordá-lo com uma proposta de venda. Isso fica ainda mais interessante para ele se você tiver feito um plano de marketing e vendas antes.

E pode ter certeza, leva muito menos tempo, gasta muito menos dinheiro e dá muito mais resultado do que “spammar” mensagens para todos as suas conexões tentando a todo custo vender o seu produto ou serviço.

Dessa forma, a sua venda vira quase uma consultoria. Ela gera confiança, não importuna as pessoas e reforça a sua autoridade com elas.

Como você deve ter percebido ao longo deste texto, o marketing no LinkedIn tem potencial para ser uma das maiores fontes de vendas do seu negócio.

Afinal de contas, as suas conexões são muito mais do que apenas amigos. São potenciais clientes e parceiros de negócios. E uma das portas de entrada para colocar a sua marca, seus produtos e serviços à disposição de mais pessoas no Brasil e no mundo!

E por falar nisso, não deixe de baixar o nosso ebook “Como fazer sua marca se tornar conhecida”. Ele vai ensiná-lo como utilizar o LinkedIn, as redes sociais e outros espaços digitais para crescer!

Quer compartilhar?
Empreendedor ideias conteudo email

Que tal o melhor conteúdo sobre empreendedorismo para você ter sucesso nos negócios?

Faça como centenas de nossos leitores: